Alguns recursos desse site utilizam cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao continuar a navegar nesse site, você concorda em utilizá-los?

Área de Conhecimento

Resultados de estudos, pesquisas e nossa produção intelectual ao seu alcance.

Aqui você encontra parte de nossos conteúdos.
Veja todo conteúdo

De empresa tradicional para plataforma digital: os pontos críticos da transformação

Seguindo a tendência do aumento da economia digital, ou seja, crescimento da economia movida pela demanda em rede e as […]

De empresa tradicional para plataforma digital: os pontos críticos da transformação

Seguindo a tendência do aumento da economia digital, ou seja, crescimento da economia movida pela demanda em rede e as intervenções baseadas em plataforma que resultam em mudanças societárias de grande alcance, os líderes de empresas terão que enfrentar grandes desafios e desenvolver nova habilidades em curto espaço de tempo.

A fim de garantir a saúde de seus negócios de pipeline, hoje em dia os líderes de empresas se concentram em um conjunto de habilidades para gerenciar KPIs clássicos, como por exemplo, taxa de produtividade, taxa de sucesso de venda, taxa de lucratividade, índice de turnover. As habilidades necessárias para controlar rigorosamente os recursos internos simplesmente não se aplicam ao trabalho de nutrir os ecossistemas externos, como se faz necessário na medida em que a empresa vai se transformando em plataforma.

As empresas de pipeline tradicionais deverão desenvolver novas competências essenciais e uma nova mentalidade para projetar, governar e expandir as plataformas de forma dinâmica em cima de seus negócios existentes. O controle das interações, do engajamento, da qualidade e da disponibilidade de acesso ao sistema da plataforma serão peças fundamentais para uma boa gestão e sobrevivência da empresas de plataformas digitais.

A incapacidade de fazer esta transição poderá levar alguns líderes empresariais tradicionais com registros de histórico impressionantes falharem em gerenciar empresas de plataformas. Assim como aconteceu com um dos ícones da mídia, Rupert Murdoch, que comprou a rede social Myspace e seguiu a sua gestão do mesmo como dirigia seu jornal – de cima para baixo, burocrático e com foco mais no controle da operação interna do que na promoção do ecossistema e criação de valor para os participantes. Com o tempo, a comunidade de Myspace se dissipou e a plataforma desapareceu. A falha na transição para uma nova abordagem deve ser um cuidado para todas as empresas tradicionais – desde hotéis até prestadores de cuidados de saúde.

 

Para saber mais, clique aqui ou fale com Marina Carlucci (mmoraes@pieracciani.com.br)

São Paulo ganha centro de inovação para mercado jurídico

A Thomson Reuters, provedora mundial de soluções em tecnologia, se juntou a Future Law, uma iniciativa dos advogados Christiano Xavier, Alexandre [...]

Número recorde de empresas usa Lei do Bem, de subsídio à inovação

A procura por incentivos fiscais com base na Lei do Bem bateu recorde em 2017, segundo os dados anuais que [...]

A indústria 4.0 e as grandes transformações na cadeia de valor

A velocidade das mudanças é intensa. Cada vez mais o cliente paga pelo que você é, o que você representa, [...]

Mais fomento para inovação: US$1,5 bilhão do BID para FINEP executar

Governo Federal e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) assinaram ontem (01/08), a primeira operação de US$ 703,6 milhões para [...]

“Overcrowded - Designing Meaningful Products in a World Awash with Ideas”

Por Ronald Dauscha Em seu reflexivo livro “Design-Driven Innovation – Mudando as Regras da Competição”, Roberto Verganti nos confronta com [...]

Governo dribla crise e oficializa o Rota 2030

Por Francisco Tripodi e Marcelo Cunha Chega ao fim um longo período de angústia das empresas da cadeia automotiva após [...]

49 das empresas mais inovadoras do Brasil são clientes da Pieracciani

Uma relação construída ao longo do tempo com confiança, competência e geração de valor. A Pieracciani parabeniza e agradece pela [...]

BNDES Lança Programa para o Desenvolvimento de Startups

Alinhando-se a outras instituições privadas e públicas o BNDES acaba de lançar, no início de julho, o seu próprio Programa [...]

MDIC publica Portaria que dispõe sobre os procedimentos de fiscalização do INOVAR-AUTO e estende prazo de entrega da auditoria do Programa

O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) publicou na última terça-feira (03 de julho) a Portaria nº 1.123-SEI, [...]

A Bahia, pronta para Inovar.

Por Paulo Pietrobon* Você já conheceu alguém que percebeu que estava errado, mas por razões culturais, para não sair da [...]

É sancionada lei que prevê incentivos a empresas de tecnologia que investem em startups com base em projetos P&D

Pela primeira vez se tem uma lei sancionada que prevê incentivos a empresas de tecnologias da informação e serviços, de [...]

Os países mais inovadores do mundo, segundo o ranking Bloomberg 2018

A Coréia do Sul e a Suécia se mantêm como os países mais inovadores do mundo, de acordo com o [...]

contato

fale conosco

Entre em contato com a gente pelo formulário abaixo:
Assunto:
Comentário:

Trabalhe conosco

Envie seu currículo para Pieracciani:
Área:
Comentário:
55 11 5506 2953

Rua Geraldo Flausino Gomes, 78cj. 151
Brooklin NovoSão PauloSP04575-060

Cadastre-se

Receba novidades e notícias da Pieracciani